Alimentos da indústria de comunicação

O programa “Profissão Repórter” abordou em sua matéria pessoas aleatórias que se tornaram celebridades instantâneas graças à internet. Essas pessoas geralmente lançam um simples vídeo caseiro, sem pretensão alguma de fama, porém se tornam um fenômeno da internet. Como a fama vem de uma forma repentina, tais “celebridades” tem dificuldade de se manter na mídia durante muito tempo, muitas vezes voltando ao anonimato da mesma maneira que saíram dele.

A interatividade da internet possibilita um mundo de milhares de visualizações. Tornando possível uma criança gravar vídeos para os seus familiares e amigos e acabar se transformando em um destaque na mídia.  Essas pessoas ao serem geradas tornam-se populares entre famílias, amigos, escolas. Despertando também a curiosidade e a atenção dos veículos de comunicação. Tendo em vista que, sobrevalorizam instantes midiáticos popularizados, conteúdos poucos exigentes, uma cultura de massa que acima de tudo valoriza o espetáculo gratuito.

Para melhor entender, os repórteres buscam o que gerou a celebridade e o que a possibilitou essa grande repercussão.  Como por exemplo, a cantora Stefhany que lançou um simples vídeo e hoje sustenta sua família. Lá, os repórteres contam a história de como tudo foi produzido, onde os clipes caseiros foram formados com a participação de amigos e familiares, onde no vídeo percebesse que: a cantora é pouco comum, tendo a excentricidade como seu destaque na mídia.  Gerando então, milhares de visualizações.

Então como hoje, nas atuais sociedades e culturas de massa, o cenário é de novas perspectivas, onde a maioria sonha em ser seu “próprio patrão”. Acentuando a instantaneidade e as vidas cotidianas, os hábitos de consumo, as necessidades de informação, e o entretenimento. Pode- se observar que,  esse novo mercado tende a crescer e se expandir.

O mundo online permite diversas formas de comunicação, mas dentre elas a maior é o vídeo. Pois, ele possuí todas as mídias juntas: interação de imagem, voz e animação.Ser celebridade deixou de ser privilegio de alguns (poucos), para ser atributo de todos que se expõem nos meios midiáticos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s